Benefícios do pão Ezequiel

Benefícios do pão Ezequiel

Parece que “dieta” e «pão” não podem estar ligados na mesma frase, mas talvez, até descobrir o tipo de pão seguinte, não mude de ideias. O pão é um alimento que tem sido consumido ao longo de várias gerações, embora daquele que era consumido até aos dias de hoje que vemos na maioria dos supermercados, vá uma grande diferença, falando em termos nutricionais. É por isso que devemos recuar centenas de anos e saber qual era o pão verdadeiramente saudável: o Pão Ezequiel.

O que é o Pão Ezequiel?

O pão Ezequiel ou Pão Essénio é um pão elaborado com leguminosas e cereais germinados:

  • 4 tipos de cereais: trigo, cevada, milho, espelta
  • 2 tipos de leguminosas: lentilhas, soja

Possui um sabor ligeiro a noz e uma textura húmida e fofa. É um pão totalmente natural, elaborado sem conservantes, sem açúcares refinados, nem gorduras trans. É por isso que atualmente o pão Ezequiel se transformou num alimento tão popular, sobretudo para as pessoas que têm uma alimentação cuidada.

O consumo deste pão tradicional remonta há 2000 anos, quando o pão era cozido ao sol em cima de grandes pedras. O pão Ezequiel também é conhecido como «Pão do Maná», e a sua receita encontra-se no versículo da Bíblia, Ezequiel 4:9:

Tomai trigo e cevada, feijão e lentilhas, milho e espelta; Guardar num recipiente e utilizar para fazer pão em casa

Acreditamos que esta receita foi pensada para ajudar a população a sobreviver à fome, uma vez que a combinação destes grãos e leguminosas germinadas fornecem uma grande riqueza nutricional, com uma grande quantidade de proteínas, hidratos de carbono de baixo IG, fibra, vitaminas, minerais e antioxidantes.

Ingredientes pao ezequiel

Ingredientes do Pão Ezequiel: trigo, cevada, feijão, lentilhas, milho e espelta

Às vezes, inclui nozes, amêndoas, avelãs, sementes, passas, tâmaras e outros ingredientes que podem tornar o pão mais húmido e fofo. É excelente para sandes e torradas e uma alternativa mais saudável relativamente a qualquer outro tipo de pão

O Pão Ezequiel contém Glúten?

O pão Ezequiel não é um pão sem glúten, mas durante o processo de germinação, o glúten transforma-se numa forma muito mais fácil de digerir. Segundo Food for Life, as pessoas com intolerância grave ao glúten (doença celíaca) não devem consumir este tipo de pão, mas as pessoas com intolerância leve ao glúten provavelmente poderão adicioná-lo à sua dieta embora devam consultar primeiro o seu médico.

O Pão Ezequiel é saudável?

A principal caraterística que distingue o Pão Ezequiel dos outros tipos de pão reside na forma como é obtido e nos ingredientes utilizados: o pão de grão germinado constitui uma alternativa saudável à farinha branca ou ao pão integral de farinha de grão e é processo de germinação onde reside o seu valor.

Este tipo de recursos culinários está a aumentar cada vez mais entre as pessoas que decidem ter uma alimentação mais cuidada, sobretudo se forem sensíveis ao trigo ou ao glúten. Apesar disso, se a pessoa sofrer de alguma das doenças que afetam o sistema digestivo, como a doença de Crohn, colite ulcerosa, ou são completamente intolerantes ao glúten, não o devem consumir.

Outro grande benefício do processo de germinação é que ocorre a desativação de «anti nutrientes», que são substâncias presentes nas plantas como mecanismos de defesa e que assim também nos prejudicam no momento do seu consumo. Entre eles encontram-se o ácido fítico e as enzimas inibidoras, ambos os conjuntos de substâncias reduzem a absorção de nutrientes

O pão Ezequiel utiliza somente o grão inteiro. Estas são sementes que ainda não se encontram germinadas e que se encontram cobertas por uma película de proteção ou casca. No estado livre, estes grãos contêm várias componentes que inibem o seu crescimento, ou seja, esta semente não brota antes do tempo. Deste modo, quando as condições do ambiente são adequadas, as sementes começam a germinar, partindo a casca, e «desativando» as enzimas que impedem o seu crescimento.

Pao ezequiel caseiro

Fabricar o Pão Ezequiel em casa é uma das melhores opções

Os grãos germinados iniciam parte deste processo, cujo principal benefício é que a biodisponibilidade da vitamina C, folato e outros minerais, como o ferro, será superior. Também implica a redução parcial do total de hidratos de carbono (são as próprias sementes que utilizam a energia na germinação), no aumento da quantidade de proteínas. Além disso, quando terminar o processo, irão conter níveis mais baixos de glúten e maior quantidade de fibra ao contrário do grão não germinado, juntamente com um nutriente de melhor digestão, sendo estes absorvidos mais facilmente pelo corpo sem se perderem no processo digestivo

Benefícios do Pão Ezequiel

O Pão Ezequiel é elaborado a partir da germinação de cereais e leguminosas sem precisar de fermento. Depois de os grãos serem moídos, são misturados com água e cozidos a temperaturas entre 45-60ºC durante 10 a 12 horas. Quando cozido a baixas temperaturas, este pão mantém uma textura húmida e não perde os nutrientes e enzimas, sendo por isso chamado de “pão da vida”.

O pão Ezequiel contém mais proteínas do que o pão branco fabricado com farinha refinada. Uma fatia contém aproximadamente 4,8g de proteínas. Este pão é uma excelente fonte de proteína vegetal de alta qualidade com um equilíbrio completo de aminoácidos. Os vegetarianos ou veganos, sobretudo, podem beneficiar deste alimento, uma vez que, os estudos mostram que as proteínas deste tipo de pão contêm os 9 aminoácidos essenciais necessários para o nosso corpo.

Uma fatia de pão Ezequiel 04:09 contém 80 calorias, 0,5g de gorduras totais e 0g de gorduras saturadas ou trans. É por isso que este tipo de pão pode ser o aliado perfeito para as pessoas que querem perder peso de forma saudável.

Contém 15g de hidratos de carbono complexos de baixo IG e não contém açúcares simples. Os hidratos de carbono complexos de absorção lenta não disparam a secreção de insulina como os simples e fornecem energia durante períodos de tempo mais longos, pelo que também podem constituir uma excelente alternativa para as pessoas que praticam muita atividade física. O seu baixo índice glicémico também faz com que este tipo de pão constitua uma boa alternativa para as pessoas que sofrem de diabetes tipo 2.

A sua elevada concentração de fibra expande-se ligeiramente no aparelho digestivo, ajuda a produzir uma sensação de saciedade, limpar o intestino e promover os movimentos intestinais regulares. As dietas ricas em fibra também apresentaram benefícios para a diminuição dos níveis de colesterol no sangue e na redução do risco de doenças cardiovasculares.

O pão Ezequiel tem pouco sal, um fator muito importante se tivermos em conta que o consumo de pão branco é responsável pela quita parte de sal que consumimos diariamente e que se reflete negativamente na saúde.

Tal como os outros tipos de pão de grão inteiro, o pão Ezequiel é rico em antioxidantes, vitaminas e minerais, inclusive o cálcio, ferro e niacina e apresenta níveis ligeiramente mais elevados de grão inteiro, como é o caso do zinco.

Pão Ezequiel VS Outros Tipos de Pão

Este tipo de pão é uma das alternativas mais saudáveis que podemos encontrar se decidirmos incluir este alimento na nossa alimentação. Dentro das principais diferenças que vamos encontrar entre o pão essénio ou de grão germinado contra o pão que é fabricado através de outros procedimentos encontram-se as seguintes:

  • Proteínas Completas: o pão Ezequiel contém 18 aminoácidos (inclusive os essenciais), graças à combinação de leguminosas e grãos. Estas unidades ou blocos de construção que formam as proteínas são necessários para tarefas essenciais dentro do organismo. De tal modo que este pão constitui uma fonte importante de proteínas que fornecem as necessidades diárias de proteínas, sendo uma excelente alternativa como proteína vegetal.
  • Digestão: este tipo de pão apresenta um grau de digestibilidade maior do que em outros, graças à germinação dos grãos, processo que não ocorre nos restantes.
  • Absorção de nutrientes: embora outros tipos de pão também possam conter vitaminas e minerais, é precisamente a disposição de grãos germinados que melhora substancialmente a absorção de micronutrientes importantes, como o cálcio, o magnésio, o ferro, o cobre ou zinco, que se encontram nestes ingredientes. Também se encontram concentrações maiores de vitaminas, como a C, B e E.
  • Maior fonte de fibra: os métodos de fabrico de pão que supostamente indicam que são integrais, ou que contêm algum tipo de cereal, na maioria dos casos, ao ver a lista de ingredientes ficamos desiludidos, por possuírem concentrações baixas destes ingredientes. Pelo contrário, o pão essénio, quando é fabricado com grão e leguminosas contém quantidades significativas de fibra.

Quando e como consumir o Pão Ezequiel?

O pão Ezequiel tem uma vida útil curta pelo que geralmente é conservado congelado ou no frigorífico. Deve ser consumido à temperatura ambiente ou aquecido no forno ou torradeira para realçar o sabor da noz.

É, por isso, uma excelente alternativa para consumir em qualquer momento do dia: ao pequeno-almoço, lanche ou para acompanhar almoços ou jantares

Uma excelente alternativa é fazer uma refeição antes do treino, embora também sirva perfeitamente para consumir após a prática de exercício, à base de:
  • 1 Batido de Proteínas
  • 2 Fatias de Pão Ezequiel
  • 1 Peça de Fruta
  • Sementes de Chia
  • 1 Colher de Manteiga de Amendoim

Pao ezequiel con manteiga amendoin

Excelente contribuição nutricional equilibrada a partir de: Proteínas, Hidratos de Carbono e Gorduras

Para começar o dia com uma quantidade adequada de fibra e micronutrientes (vitaminas, minerais) juntamente com importantes antioxidantes, podemos combinar o nosso Pão Ezequiel com um cocktail destes nutrientes

Y para alegria de muitos adeptos de chocolate, a melhor alternativa é comer versões sem açúcar! Podemos derreter primeiro o chocolate no micro-ondas e barrar nas fatias de pão.

Como fazer Pão Ezequiel em casa?

Para comer este tipo de pão, temos duas alternativas: comprar em padarias que o vendam ou fabricá-lo em casa. Esta última pode ser aborrecida mas, apesar disso, depois de cozido, podemos congelar, para colocar diretamente na torradeira sempre que quisermos.

Receita de Pão Ezequiel

Tipos de receita: Pão Ezequiel

  • Tempo de preparação: 12 minutos
  • Tempo de cozinhado: 10 minutos
  • Tamanho da porçao:1 Rebanada
  • Número de porçoes:14
  • Estilo de cozinha: Europeia

Ingredientes

  • 150 gr de trigo sarraceno
  • 150 gr de cevada
  • 150 gr de espelta
  • 150 gr de milho
  • 150 gr de lentilhas
  • 150 gr de soja
  • Azeite Virgem Extra
  • Sal
Informação Nutricional por porção
Calorias:85kcal
Gorduras:1g
das quais saturadas:0,2g
Carbohidratos:15g
dos quais açúcares:1g
Fibra:3g
Proteinas:4g
Sal:0,1g

Como preparar: Pão Ezequiel

  1. Primeiro, germinar os grãos e leguminosas, para isso:
  2. Demolhar: colocar os grãos e as leguminosas num recipiente e encher com água fria, de modo a ficarem totalmente cobertos. Deixar repousar durante um período entre 18 e 24 horas.
  3. Escorrer: com a ajuda de um escorredor, escorrer a água
  4. Germinação: armazenar num frasco ou qualquer outro tipo de recipiente cobertos por uma rede ou outro tecido semelhante, que deixe o ar circular. Uma vez por dia, durante 2 ou 3 dias, trocar a água, voltar a escorrer (no mesmo recipiente, sem deixar cair os grãos). Algumas das componentes vão libertar mucilagem, para manter o conteúdo hidratado. Passados estes dias, ver como germinaram (rebentamento de um pequeno troço entre 2 e 3 mm).
  5. Secar os grãos: antes de obter a farinha, garantir que estejam completamente secos. Para o fazer, levar ao forno a baixa temperatura, ou utilizar vários guardanapos para absorver o excesso de água.
  6. *Para fabricar o pão:
  7. Pré-aquecer o forno a 180º durante 5 minutos.
  8. Enquanto o forno aquece, obter a farinha ou preparado: com a ajuda de uma batedeira forte ou um robô de cozinha, moer até obter uma massa homogénea. Adicionar primeiro um fio de azeite virgem extra e sal.
  9. Colocar a massa dentro de um tabuleiro de ir ao forno com papel vegetal e estender. Depois de estendida, efetuar cortes transversais com a ajuda de uma faca para depois ser mais fácil cortar o pão.
  10. Levar ao forno e deixar cozinhar durante cerca de 10 minutos. Desligar o forno e, sem abrir a porta, deixar repousar durante cerca de 8 horas.
  11. Depois de pronto, podemos congelar ou comer. Neste caso, se quiser, pode colocar na torradeira.

Entradas Relacionadas

Análise do Pão Ezequiel

Composição nutricional - 100%

Fornecimento de energia sustentável - 100%

Melhoria do sistema digestivo - 100%

Grão inteiro - 100%

Proteína completa - 100%

100%

HSN Evaluação: 5 /5
Content Protection by DMCA.com
Sobre Javier Colomer
Javier Colomer
Baixo o lema “KInowledge Makes Stronger” Javier Colomer expõe a mais clara declaração de intenções para expor os seus conhecimentos e experiência dentro do panorama Fitness. O seu sistema de treino BPT avala isso.
Confira também
perolas tapioca
Tapioca, um aliado para as dietas livres de Glúten

A tapioca ganhou muita importância no mercado nos últimos anos devido a sua falta de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *