Como e Porquê um Tenista se lesiona?

Como e Porquê um Tenista se lesiona?

O ténis não é um desporto de contacto, mas nem por isso os tenistas são menos propensos a sofrer lesões desportivas. Nesta publicação vamos tentar descobrir quais são as lesões mais comuns no ténis, além de aprender a preveni-las. Torna-te mais forte no court! Seja qual for o teu nível.

Conheces os benefícios para a saúde que pode fornecer um desporto como o ténis? Tentámos explicá-los na publicação do link, para te incentivar a experimentar a jogar e a praticar desporto.

Possiveis lesões no tenis

Riscos do Ténis

Achas que por praticares ténis não corres o risco de ficar lesionado? É verdade que é mais difícil sofrer lesões como consequência de choques ou contacto com o adversário, uma vez que cada um defende o seu próprio campo e ficam separados pela rede central.

No entanto, a quantidade de horas que os tenistas têm de suportar dentro do court, bem como a quantidade de jogos que, no caso dos profissionais, têm de suportar de forma continuada, implica uma pressão acrescida que pode descambar nas mais diversificadas lesões.

Nunca ouviste falar das lesões dos tenistas causadas pelo stress? Não penses que apenas pode existir um stress mental (que os desportistas também sentem), mas também pode existir um stress muscular que pode conduzir a lesões em articulações, músculos e pode ocasionar por vezes fraturas nos ossos.

Aqui tens um exemplo da forma em como se pode lesionar uma tenista profissional num jogo…

Lesões mais comuns nos tenistas

Com a introdução que fiz anteriormente, certamente que te vieram à cabeça possíveis lesões relacionadas com o ténis. Em seguida iremos abordar algumas dessas lesões, as mais habituais, e, posteriormente, também trataremos da forma em como as podemos prevenir, ou pelo menos não chegar a ter uma lesão que nos obrigue a parar com o nosso ténis de lazer.

O Dr. Villanueva, no seu blog, aborda algumas das lesões mais comuns que podem ocorrer no mundo do ténis. Segundo este especialista, o ténis, «como em todos os desportos, tem uma série de tecnopatias associadas aos gestos específicos que se repetem sistematicamente».

Desgaste tenis lesões

Estes gestos vão implicar uma série de transtornos ou lesões muito caraterísticas que, no mundo do ténis estão concentradas, na sua maioria, na quantidade de movimentos rápidos (articulações inferiores) e no jogo com a raquete (articulações superiores).

Cotovelo de tenista

Também conhecido como epicondilite, constitui a principal lesão do tenista não profissional, uma vez que não tem uma preparação física específica e realiza o desporto de forma recreativa.

Como ocorre esta lesão? Através da repetição do movimento. O tenista vai sofrê-la sobretudo quando bate “ao contrário” (quando se refere “ao contrário”, quer dizer que bate a bola em sentido contrário à direção da bola que vem do adversário com respeito à mão com que empunha a raquete, que tem que ver com a sua mão predominante, direita ou esquerda) ou em “voley”, sentindo uma dor profunda na parte lateral do cotovelo.

Esta lesão é pautada pela falta de prática desportiva do ténis (que se pratica apenas de forma pontual aos fins-de-semana), e por ser realizada sem os meios adequados, como é o caso da utilização das raquetes que não são adequadas devido à nossa condição do desportista, além da vibração que provoca nos músculos após a batida na bola.

Problemas no ombro

Com caraterísticas semelhantes ao anteriormente referido, a falta de musculatura adequada fará com que muitos tenistas corram o risco de sofrer problemas no ombro dominante, ou seja, aquele com fazem o “serviço”.

Os especialistas referem-se a esta questão como a zona da rotação do ombro, o que supõe uma maior queda do ombro dominante sobre o não dominante (com o que fazemos “o serviço” e em movimento contrário).

O trabalho de fortalecimento é fundamental, para conferir à zona uma base muscular que possa resolver o problema.

Lesão Wimbledom tenis

Tendinite

Afeta diferentes articulações, na sua maioria do ombro, cotovelo e pulso. No entanto, também se pode denominar de Aquilea e ocorrer no tendão de Aquiles, muito comum em desportos que são praticados em superfícies demasiado duras e reconhecidas por arranques e mudanças de direção repentinas.

No caso das articulações superiores, ocorre com maior frequência nas extremidades não dominantes, devido à falta de musculatura necessária, e vais notar essa sensação quando a utilizares nos batimentos “ao contrário”, quando agarrares a raquete com as duas mãos.

Gémeos

Tal como acontece com as extremidades superiores, os membros inferiores também podem sofrer uma sobrecarga de esforço físico. No mundo do ténis e médico, é conhecida como um deslocamento muscular total ou parcial do gémeo interno.

Pode ocorrer, na maioria dos casos, perante a falta de musculatura adequada para este desporto pelo que, além do desporto habitual, é aconselhado um bom aquecimento antes de começar a jogar uma partida com alguma intensidade.

Outras lesões importantes

Sem relevar, podem ocorrer outras lesões relacionadas com o esforço físico: a desidratação.

Na maioria dos casos, as lesões estão sempre relacionadas com a musculatura ou os ossos, mas um desportista também deve ter em conta a hidratação e a nutrição antes, durante e após os treinos e jogos.

De facto, a falta de hidratação pode também implicar uma falta de resposta por parte dos músculos, o que provoca cãimbras musculares.

Como prevenir as lesões?

Já vimos como a maioria das lesões ocorrem devido à falta de condição física adequada do praticante. Por serem ações tão repetitivas, o desportista vai por em evidência a falta de musculatura ou a sua força para levar a cabo tamanha exigência física.

Por isso, a principal prevenção é levar um estilo de vida saudável, marcado por uma alimentação correta e a realização de exercício de forma diária. Desta forma, a prática de um desporto individual, tal como o ténis, será maior, o que te fará esquecer, na maioria das vezes, as lesões que eventualmente poderás sofrer.

No caso dos tenistas profissionais, é evidente que a condição física não é a causa das lesões que podem sofrer ao longo da época. No entanto, é bastante complicado assistir a um jogo no qual o, ou a tenista, teve que abandonar o desafio por lesão (embora também aconteça).

Nos casos dos profissionais da raquete, a maioria dos problemas físicos estão relacionados com a sobrecarga de jogos, ou seja, como foi referido anteriormente em relação ao stress muscular, que pode desencadear lesões desportivas.

Lesões jogo tenis

A HSN ajuda-te a proteger as tuas articulações

Protege todas as tuas articulações com os melhores suplementos de dietética natural, como são os da HSN.

Em seguida, apresentamos algumas recomendações, mas também outros produtos que evitam ou tratam as inflamações musculares e que te permitem aguentar em plena forma dentro do court.

Evoflex

Fórmula exclusiva criada pelo Departamento de I+D+i da HSN e fabricada pela HSNsports.

Trata-se da melhor combinação para te oferecer a proteção máxima das articulações e tecidos de ligação, criada especialmente para evitar o seu desgaste em praticantes e adeptos do desporto.

Associa três substâncias que possuimos de forma natural nas nossas articulações e tecidos musculares: MSM, D-Glucosamina e Sulfato de Condroitina.

Alguém te pode oferecer uma proteção melhor? Não! Só a HSN.

Sulfato de Condroitina

Melhora a proteção das tuas articulações contra o desgaste resultante do exercício físico, com esta substância natural.

Fundamental para a reparação das cartilagens das articulações que podem estar danificadas devido ao desgaste pela idade ou sobreposição por atividades desportivas.

Joint Care

Adiciona todas as manhãs uma quantidade da fórmula líquida de Joint Care da HSNessentials, aos teus batidos de frutas. O que é que te fornece? As substâncias naturais mais importantes para dar-te uma proteção para as articulações. Destinado sobretudo a deportistas.

Combina substâncias que o nosso próprio corpo já tem nos tecidos de ligação e articulações, como a Glucosamina, Condroitina e MSM, mas, além disso, também fornece vitamina B12, que vai evitar a fadiga e o desgaste no desporto e na atividade do teu dia-a-dia.

Colagénio para a Saúde das Articulações

Produto disponível em pó.

Produto desenvolvido pela HSNessentials à base de colagénio hidrolisado, para ofrecer a melhor saúde das articulações.

O que é que o colagénio hidrolisado oferece? Devido a este processo, as proteínas que compõem o colagénio dividem-se nos aminoácidos que os compõem.

Trata-se de uma fórmula de proteção para articulações e fornece energia ao organismo. Desenvolvido pela HSNessentials.

Sulfato de Glucosamina

Condroprotetor, ou seja, uma proteção eficaz sobre as articulações do nosso corpo.

Na HSN oferecemos a versão em pó, desenvolvida pela HSNraw, bem como a versão em cápsulas da HSNessentials. Ambas as opções apresentam um efeito positivo sobre o metabolismo, o que fará com que te ofereçam uma proteção sobre as articulações do corpo, pensado especialmente para deportistas.

O risco de sofrer uma lesão desportiva não te deve assustar na hora de praticar desporto. Na HSN, apostamos sempre em seguir um estilo de vida saudável, principalmente orientado à boa saúde da pessoa. Segue uma dieta saudável e pratica exercício físico de forma diária. O teu corpo, a tua mente e a tua vida vão agradecer-te.

Fontes Bibliográficas

Outros artigos relacionados com o tema:

  • Suplementos Desportivos para a prática do Ténis. Ler mais
  • Aprende mais sobre duas substâncias essenciais para as tuas articulações: Colagénio + Magnésio, aqui no link
Avaliação das Lesões no Ténis

Riscos - 100%

Lesões mais comuns - 100%

Como preveni-las - 100%

A HSN ajuda-te - 100%

100%

HSN Evaluação: 5 /5
Content Protection by DMCA.com
Sobre José Miguel Olivencia
José Miguel Olivencia
José Miguel Olivencia é um profissional da comunicação e desporto. Sempre tratou de de uni-los nas suas diferentes experiências profissionais, como ocorre na HSN e Blog HSN.
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *