Como comer saudável depois do Natal

Como comer saudável depois do Natal

Algo característico do Natal são os almoços em família com uma elevada presença de alimentos cheios de açúcares, gorduras e álcool. Queres recuperar a tua rotina? Vamos dar alguns conselhos para comer saudável depois do Natal.

Os excessos alimentar podem provocar sensação de mau estar (ardores, prisão de ventre, diarreia, cefaleias) e incluso podem causar situações delicadas, como doenças, ou piorar uma patologia de base (diabetes, transtornos cardiovasculares, gota ou artrite, entre outras).

Se já estás cansado da rotina menos saudável destas datas, anota como podes acabar com isso e recuperar a tua rotina diária fit.

rotina depois natalRetomar os hábitos pós-Natal

Depois do natal temos que voltar a rotina e alimentar de substâncias depurativas já que assim expulsaremos os excessos, é uma eleição inteligente para ganhar qualidade de vida e saúde.

O objetivo nutricional destes dias depois dos excessos do natal é depurar, eliminar líquidos e toxinas e reduzir o inchaço. Por isso é tão importante comer saudável depois do Natal.

Ao começar um novo ano, muitos colocam como objetivo seguir uma dieta mais saudável e uma vida mais saudável. A alimentação é um dos pilares fundamentais para a saúde:

  • Alimentação
  • Exercício Físico
  • Equilibro emocional e social
Por isso, a continuação, vamos a fazer um top 10 de alimentos que, em conjunto e num padrão alimentar saudável e equilibrado, te ajudaram a sentir melhor e conseguir esse objetivo

Lápiz e papel! Começamos:

10 alimentos para comer saudável depois do Natal

1. Maçãs

maçã alimento depurativo

Sem duvida, a maçã é um dos alimentos mais depurativos que existe. Graças a sua fibra com ação absorvente, o organismo consegue eliminar mais facilmente a multitude de toxina nocivas.

Se trata de uma fruta muito versátil e pode adicionar a um sem fim de alimentos, sendo ideal para um bom pequeno-almoço, sobremesa ou lanche. Tem muitas possibilidades culinárias, já que tomar em compota, assadas, ou em sumo natural, em molho ou puré para acompanhar as carnes como entradas frias.

É muito importante comer a pele, já que possui muitas propriedades e vitaminas beneficiosas

2. Ananás

ananas alimento saudável

O ananás tem fama de ser  uma fruta diurética e depurativa que contribui a eliminar pela urina as toxinas que acumula o nosso organismo e além disso, previne a prisão de ventre devido a grande quantidade de fibra que aporta.

Além disso, possui um alto conteúdo em bromelaína, que ajuda a fazer melhor as digestões.

Para conservar os seus nutrientes e propriedades é importante tomar ao natural. Assim que melhor evitar em calda. O ananás possui poucas calorias, já que o 85% do seu peso é água. Não há melhor fruta para comer depois do Natal.

3. Alcachofras

alcachofra produto saudável

A alcachofra possui um alto conteúdo em fibras. Possui qualidades diuréticas, ajudando a eliminação de líquidos do corpo, por isso é interessante nos casos de obesidade e para onde convenha a eliminação de água e, por tanto, das toxinas, em especial no que se refere ao ácido úrico.

É um bom acompanhante de saladas, arroz e massas. Também é comum comer sozinha sem acompanhar nada, já seja assada ou confitada. Embora não é um alimento que tenham muitos adeptos, suas propriedades beneficiosas fazem que seja muito atrativa para manter uma alimentação saudável.

4. Espargos

espargos dieta saudável

Possui uma grande riqueza de minerais que converte em um dos melhores limpadores do organismo. Os espargos contém uma grande riqueza de minerais que convertem em um dos melhores limpadores do organismo. Os espargos possui enormes benefícios sobre a atividade do fígado e dos rins.

Ao estar compostos por uma grande quantidade de água e contém asparragina  (que se elimina a través da urina), tem propriedades diuréticas muito beneficiosas para a hipertensão, a retenção de líquidos, as doenças da bexiga ou a diabetes. Os espargos costumam formar parte das saladas, arroz e pizzas, também pode ser consumido sozinho, cozidos antes e com um ligeiro tempero.

5. Infusões

infusão cavalinha

As infusões de comer melhoram o processo digestivo fazendo que a digestão seja mais rápida e de uma forma muito mais agradável.

É por isso que ao tomar uma infusão evitamos as pesadas e intermináveis digestões que convertem as tardes e as noites em pesadelos. Algumas das infusões mais recomendáveis para limpar o organismo são as de chá verde: antioxidante, depurativa e um pouco estimulante.

As substâncias que contém o chá verde são de grande interesse e funcional, sobre tudo flavonoides com ação antioxidante (catequinas, rubigenina, flavina e taninos). Se podem tomar uma ou duas chávenas ao dia, em vez de cafés ou bebidas excitantes, se não existe contra-indicação médica.

As infusões do gengibre podem ser um remédio efetivo para paliar as más digestões acompanhadas de náuseas e vómitos, para eliminar os gases e diminuir as tonturas. A cavalinha é um bom diurético e facilita a eliminação  dos líquidos acumulados e dos resíduos no organismo.

A planta cardo mariano é também muito aconselhável, sobre tudo se bebemos muito álcool neste Natal, já que contém silimarina, uma substância que protege o fígado ao actuar como um antioxidante e promover o crescimento das novas células hepáticas. A silimarina também ajuda com a digestão das gorduras.

6. Flocos de aveia

aveia para depois natal

A aveia, em flocos, supõem um grande aporte de fibra para o nosso organismo.

Contém betaglucanos, um tipo de fibra solúvel; e avenasterol, um fitosterol.

As duas substâncias tem a capacidade de diminuir a absorção do colesterol no intestino

Depois de dias de excessos,  pode ser que se tenham alterado os níveis de lípidos e os açúcares, pelo que convém recuperar rápido a normalidade e a boa saúde.

7. Peixes azuis

peixe azul comer depois natal

Das fontes de proteína, o peixe representar o alimento por excelência por que é rico em gorduras insaturadas, baixo em gorduras saturadas e especialmente, rico em ácido ómega -3 e compensam o consumo desmedido das gorduras saturadas.

A prioridade é que os peixes e os mariscos tenham protagonismo nos menus semanais. A finalidade é dupla: aumentar o consumo de um alimento cardioprotector e que ajuda a reduzir o consumo de carnes.

8. Arroz integral

arroz integral dieta

O arroz integral, como não é refinado, mantém a capa externa do grão formada pela celulasa (fibra vegetal) e é rico em proteínas, vitaminas e minerais.

A diferencia do arroz branco, o de tipo integral não perde a sua propriedade. A  celulose não pode ser digerida e és expulsada ao exterior com  os resíduos do intestino. Desta forma ajuda a eliminar toxinas do corpo e evita que se adiram as células do nosso cólon.

É um alimento muito completo desde a óptica nutricional, que equilibra os excessos, reduz o inchaço abdominal e corrige a prisão de ventre. Pode ser servido como prato principal, porção, sobremesa misturado com leite e canela ou como um cereal alternativo aos doces no pequeno-almoço

9. Lentilhas e outros legumes

legumes dieta saudável

As lentilhas, igual que o resto de legumes, se caracterizam por ser alimento com uma lata concentração de nutrientes. As lentilhas são uma grande fonte de proteínas e também de hidratos de carbono de baixo índice glicémico que proporciona uma grande quantidade de energia.

Outra vantagem das lentilhas no seu aporte de fibra, e no seu baixo conteúdo em lípidos. Isso as converte em aliados de quem faz dieta para controlar o peso. Representam para a dieta um conjunto de nutrientes, que ajudam a regular a glicémia, reduzir os níveis do colesterol ou melhorar a prisão de ventre. A chave esta em incluir a variedade de legumes nos menus de  duas a quatro vezes por semana.

10. Verduras verdes (alface, repolho, feijão, brócolos, alhos, apium e ervilhas)

verduras verdes beneficios

A cor verde destes alimentos deve-se a clorofila que contém, uma substâncias com grandes benefícios para o organismo. São verduras que, pelas suas propriedades naturais e funcionais, reconfortam ao organismo. Ajudam nas labores de “afrouxar” e descongestionar o aparelho digestivo, estômago, intestinos, vesícula biliar e fígado.

O fígado e o pâncreas são os órgãos que podem ser afectados pelos excessos do natal (álcool, açúcares, proteínas). São os que devemos cuidar mais a través de uma correta alimentação

Já sabes os alimentos para comer saudável depois do Natal. Agora só falta colocar em pratica para recuperar a tua rotina depois das festas.

Valoração de Comer saudável depois do Natal

Verduras verdes - 100%

Peixe Azul - 100%

Aveia - 99%

Efetividade - 100%

100%

HSN Evaluação: 5 /5
Content Protection by DMCA.com
Sobre Melanie Ramos
Melanie Ramos
A través do Blog da HSN, Melanie Ramos expõe os conhecimentos e os conteúdos mais actuais, ao alcance dos leitores que procuram aprender.
Confira também
Interpretar análise de sangue
Como Interpretar uma Análise de Sangue?

Como interpretar uma Análise de Sangue? O que significam os valores principais e como decifrá-los? …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *