Síndrome Pós-férias: Como tornar menos doloroso o regresso das Férias?

Síndrome Pós-férias: Como tornar menos doloroso o regresso das Férias?

O síndrome pós-férias não se encontra dentro dos diagnósticos médicos a ser tratados como uma doença, embora os seus sintomas surjam na época pós-férias, sobretudo de verão.

O que é e como se desenvolve o síndrome pós-férias?

Após um período totalmente descontraído e desligado (ou a tentar) das tarefas domésticas e laborais, voltar à rotina do dia a dia representa um desafio que, em alguns casos, requer a ajuda de um terapeuta.

Regresso das férias e síndrome pós-férias

Não regresses das férias à última da hora.

Por isso, é importante encará-lo com calma, passo a passo, entrar novamente na rotina porque caso contrário iremos sentir: fadiga, ansiedade, falta de sono e inclusive tristeza e depressão.

Chegou o momento, há que assumi-lo, o verão terminou e chegou o momento de regressar à realidade. Vamos fazê-lo juntos da melhor forma possível.

Será que existe realmente?

Como referimos no início do artigo, embora não esteja diagnosticada como uma doença, a verdade é que o estado de espírito após o regresso das férias pode desencadear a queda numa pequena depressão.

Como resposta, é evidente que sim, que o síndrome pós-férias existe E deves trabalhar para evitar cair nele.

Para isso, prepara-te para superar estes possíveis problemas que serão fundamentais para não cair no negativismo e recuperar logo a rotina diária após as férias.

Recuperar das férias

Enfrenta o regresso das férias com positivismo.

Sintomas da depressão pós-férias

Este período pode durar entre 2 e 3 dias até duas semanas. Mais do que isto poderá ser considerado um caso extremo de stress.

É aconselhável chegar algum tempo antes a casa para fazer as adaptações necessárias nas atividades diárias.

Conselhos para o combater

Queres combater o possível síndrome pós-férias?

Aqui apresentamos alguns conselhos para colocares em prática no regresso das tuas próximas férias de verão ou as que já estiveres a aproveitar no teu lugar de descanso. Força!

Conselhos para a volta à rotina

Gráfico HSN.

Alimentação

Os especialistas recomendar algumas práticas para conseguir estabilidade e bem-estar para superar este síndrome pós-férias.

É relevante retomar uma alimentação de qualidade que tenha a quantidade necessária de proteínas e outros macronutrientes, que fornecem nutrientes de qualidade em vez de gorduras, que conseguiste acumular durante as férias.

O que comer para evitar o síndrome pós-férias

Legumes a vapor.

Introduz quando chegares a casa legumes, fruta, hortaliças e muita água.

Recomenda-se o consumo de carnes brancas cozinhadas a vapor, na chapa ou grelhadas acompanhadas com saladas verdes e fruta.

Alimentos que desintoxicam o organismo, para manter o corpo hidratado e devolver os nutrientes e vitaminas necessárias para recuperar dos excessos do verão.

E os horários também são importantes. Recupera aqueles que tinhas antes das férias.

Exercício físico

Certamente que tiveste um período de tempo um pouco mais sedentário.

Sem exercício físico a nossa ansiedade pode aumentar, aliada à possibilidade de sentir tristeza, desânimo e depressão.

Exercício físico após as férias

Regressa ao desporto, a rotina no ginásio.

A falta de desporto também diminui os níveis de vitalidade, por isso quanto mais tempo sem exercício mais fraco/a te vais sentir porque vais perder massa muscular.

Retoma a atividade física aos poucos, nos horários que praticavas antes das férias. As primeiras semanas vão ser duras, mas com dedicação vais conseguir atingir o nível alcançado antes das férias.

Recupera a rotina

Quando terminarem as férias não há outro remédio senão regressar à rotina.

Regressa à escola após as férias

Oferece aos teus filhos normalidade no regresso à escola e à rotina.

Este elemento causa impacto e sobrecarga porque numa questão de dias devemos assumir novamente todas estas tarefas, mas enfrentamos o facto de a nossa mente ser mais lenta e ter dificuldade de concentração, voltar ao ritmo normal.

Em breve irás voltar ao teu ritmo habitual, por isso poderás dedicar-te a alguma atividade durante alguns duas como a prática de futebol, dança ou aquilo que gostares de fazer mas com facilidade, isso não irá afetar em nada o desempenho dos teus filhos, embora te vá ajudar a ativar aos poucos.

Descanso e sono

Nas férias vamos dormir e acordamos mais tarde do que é habitual. Todo o ciclo do sono é afetado, bem como o nosso biorritmo. Tudo isto vem à tona no síndrome pós-férias.

Descanso e sono no síndrome pós-férias

Recupera o ritmo e os horários de sono, também é importante.

No regresso a casa deves recuperar os antigos horários de sono. Vai ser útil tomar um chá relaxante, um banho morno e um jantar leve. Também deves deixar de utilizar o telemóvel na cama.

Quais os suplementos que te podem ajudar no síndrome pós-férias?

Pode acontecer que, apesar de adotar todas as medidas anteriores, não seja suficiente e o stress tome conta de nós, sem o conseguir controlar.

Neste sentido, quero recomendar uma série de extratos de ervas que podes encontrar na forma de suplementos alimentares:

  • Aswagandha.
  • Rhodiola Rosea.
  • Hongo Reishi.
  • Ginseng (Panax).

Vai à loja online da HSN e consulta os produtos mais adequados para o stress, o cansaço e a falta de sono Daqui.

Fontes Bibliográficas

  • Edmund Bourne y Lorna Garano. Haga frente a la ansiedad. Editorial Amat.
  • Kristine M. Krapp y Jacqueline L. Longe. The Gale Encyclopedia of Alternative Medicine. Gale Group, 2001.
  • Daniel Sánchez. Hábitos saludables, los 4 fantásticos que darán energía y vitalidad. Editorial Amat.
  • Stephanie Matthews-Simonton, O. Carl Simonton y James L. Creighton. Recuperar la salud (una apuesta por la vida). Editorial Siro.

Outros artigos que não deves deixar de ler:

Avaliação dos Conselhos para Combater o Síndrome Pós-férias

Alimentação - 100%

Exercício físico - 100%

Dormir o suficiente - 100%

Suplementos adaptogénicos - 100%

100%

HSN Evaluação: 5 /5
Content Protection by DMCA.com
Sobre María José García
María José García
María José leva vinculada ao mundo do desporto toda a sua vida. Desde criança começa e incluso compete em várias disciplinas desportivas, como a patinagem, natação ou ginástica.
Confira também
Diabetes
Diabetes: Tudo o que Deves Saber

Dia 14 de Novembro celebra-se o dia internacional da Diabetes, uma das doenças mais comuns …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *